21/07/2024

Sertanopolis News

Nada além da verdade!

Alunos e professores da rede estadual ganham plataforma para lição de casa

3 min de leitura

As atividades propostas na plataforma foram elaboradas por uma equipe de professores da rede e consistem em questões objetivas em diferentes formatos, como múltipla escolha, completar o espaço em branco, colocar itens em ordem ou combinar conceitos com imagens, por exemplo.

Começou nesta semana a implementação do projeto Desafio Paraná na rede estadual de ensino. Ele consiste no uso de uma plataforma para lições de casa, utilizada por todos os estudantes e professores da rede. O objetivo da Secretaria de Estado da Educação (Seed-PR) é oferecer uma ferramenta adicional para a aprendizagem do aluno – a plataforma Quizizz –, além de incentivá-lo a passar mais tempo do seu dia em contato com os estudos. O investimento é de R$ 6,3 milhões para dois anos.

As atividades propostas na plataforma foram elaboradas por uma equipe de professores da rede e consistem em questões objetivas em diferentes formatos, como múltipla escolha, completar o espaço em branco, colocar itens em ordem ou combinar conceitos com imagens, por exemplo.

Além das questões propostas pela Seed/PR, o professor tem autonomia para propor outras atividades na plataforma durante suas aulas, incluindo recursos como desenhos, respostas por gravação de áudio e vídeo ou questões discursivas.

“A ideia é fortalecer o trabalho de aprendizagem do estudante para que ele amplie a sua jornada de estudos. Ele vai ter aula num turno e, depois, pode sistematizar aquilo que foi visto em sala de aula”, diz Roni Miranda, secretário da Educação do Paraná.

Os exercícios contemplam as disciplinas da FGB (Formação Geral Básica), exceto Educação Física, Filosofia e Sociologia, que terão questões incluídas na plataforma ainda neste primeiro trimestre. Posteriormente, também haverá inclusão de atividades das disciplinas dos itinerários formativos do novo ensino médio.

O estudante terá duas questões por aula – ou seja, 10 ou 12 questões por dia, nos casos de cinco ou seis aulas diárias, respectivamente. As atividades farão parte do processo avaliativo e corresponderão a 30% da nota do trimestre.

O professor poderá propor as atividades conforme o conteúdo que estiver ministrando e de acordo com as aulas do RCO – sistema da Seed/PR que disponibiliza material de referência para as aulas dos professores da rede estadual.

O professor também receberá relatórios, podendo conferir os erros e acertos de cada aluno e turma. Assim, ele pode acompanhar o processo de aprendizagem do estudante e identificar rapidamente quais conteúdos precisam ser retomados.

Na primeira semana letiva, de 6 a 10 de fevereiro, os docentes puderam se familiarizar com a plataforma. Agora, neste primeiro mês, os estudantes a utilizarão em sala de aula. A partir de então, passarão a fazer as atividades em casa, conforme a proposta do Desafio Paraná.

Aqueles que não tiverem Internet em casa poderão fazer os exercícios na escola, utilizando o celular próprio ou um computador da instituição.

Agência Estadual de notícias

Deixe seu comentário
Compartilhe
error: Conteúdo protegido!!