24/05/2024

Sertanopolis News

Nada além da verdade!

Plantio da soja na rotação de culturas é destaque na Abertura Oficial da Colheita do Arroz

3 min de leitura

O plantio da soja na rotação com o arroz pode trazer benefícios agronômicos e financeiros aos produtores. Esta é uma das principais recomendações da BASF durante a 34ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, que acontece entre os dias 21 e 23 de fevereiro em Capão do Leão/RS. A empresa, que é líder em tecnologias para os arrozais, também vai apresentar sementes híbridas de alta qualidade e produtividade, além de suas soluções de proteção de cultivos para o manejo de doenças e plantas daninhas.

 

A rotação arroz – soja é um diferencial do manejo recomendado pela empresa. O cultivo da oleaginosa em áreas de várzea é uma alternativa que otimiza o manejo e pode aumentar a rentabilidade das propriedades. “A soja é uma aliada das plantações de arroz. Assim como os agricultores, a BASF tem uma visão de longo prazo das safras. Entendemos que o planejamento das alternâncias de cultivos pode gerar melhores resultados nas lavouras”, afirma Graciela Mognol, diretora de Marketing Sistema de Cultivo Soja de Soluções para Agricultura da BASF.

 

Além da rotação de culturas, o manejo dos arrozais requer uma série de cuidados que começa pela escolha de sementes certificadas. Por isso, a BASF lançou a marca de sementes híbridas de arroz Lidero®.

 

“Os híbridos possuem uma genética avançada, resultado de mais de uma década de pesquisas. No Desafio Produtivo Top Lidero da safra 2022/23, as melhores áreas superaram as 300 sacas por hectare, muito acima da média do Rio Grande do Sul, que é de aproximadamente 180 sacas por hectares de acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento, Conab”, comenta José Mauro Guma, gerente de Marketing de Sementes de Arroz da BASF.

 

As sementes Lidero se conectam com outras inovações para ajudar os rizicultores em um dos principais desafios da cultura que é o controle de plantas daninhas. Os sistemas produtivos Clearfield® e Provisia® são indicados principalmente para o manejo de plantas daninhas de folhas estreitas, como o arroz vermelho e o capim arroz, consideradas invasoras de difícil controle. O primeiro híbrido comercial da marca, LD 522 CL, e híbrido de arroz com exclusivo para a tecnologia Provisia, LD 132 PV, estarão em nossa área de exposição. Os materiais apresentam qualidade de grãos e alto potencial de produtividade.

 

As sementes de arroz Lidero® possuem alta performance produtiva – Créditos: BASF

 

O manejo de doenças é outra preocupação constante dos rizicultores. Para reduzir perdas de rendimento causadas por fungos, a BASF desenvolveu uma solução para uso exclusivo na cultura do arroz. Seltima® é um fungicida de ação preventiva para brusone, principal doença do cultivo que pode ocasionar perdas de até 100% de produtividade, dependendo da cultivar, do manejo da área e das condições climáticas e ambientais.

 

“O controle da brusone é fundamental para o sucesso da produção de arroz. Seltima tem formulação inovadora com tecnologia de micro encapsulamento que resulta na liberação controlada do ingrediente ativo. É uma inovação para proporcionar melhores resultados a campo e contribuir para o legado da rizicultura” pontua Graziela Morais, Gerente de Marketing de Cultivos e Portfolio para Sementes e Defensivos Agrícolas da BASF.

 

Durante o evento, os visitantes terão a oportunidade de conferir de perto o desempenho de todas as inovações da empresa que são resultado do investimento anual de aproximadamente 950 milhões de euros em pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias para agricultura.

 

Sobre a 34ª edição da Abertura da Colheita do Arroz

Onde: Estação Experimental Terras Baixas da Embrapa Clima Temperado – Av. Eliseu Maciel, 4659 – Capão do Leão/RS

Data: 21, 22 e 23 de fevereiro de 2024

Website: Link

Deixe seu comentário
Compartilhe
error: Conteúdo protegido!!