Sertanopolenses sofrem com a temperatura alta

0
64

Ainda estamos no inverno mas o calor e o abafamento está nos fazendo sofrer. Andando pelas ruas de Sertanópolis percebi a exaustão das pessoas devido ao calor.

A temperatura em pleno inverno está de 34°C  à 37 °C imagina quando chegar o verão, a previsão de chuva é só para a semana que vem. Especialista alertam como se cuidar em dias de calor;

Dormir mal prejudica a saúde e a boa forma. Com as temperaturas altas, o quadro pode se agravar

Como dormir bem no calor

Os dias quentes são encarados com roupas leves, atividades ao ar livre, ar-condicionado, bebidas refrescantes… Mas quando chega a noite, o calor pode atrapalhar o descanso.

Dificuldade para pegar no sono , mexer-se muito na cama e acordar várias vezes são algumas situações enfrentadas nos períodos de altas temperaturas.

o dia seguinte, o resultado é aquela moleza. Uma noite maldormida pode provocar ainda dor de cabeça e falta de concentração. Em longo prazo, a privação do sono pode levar a depressão e obesidade.

Confira a seguir outras dicas da especialista para bons sonhos de uma noite de verão:

  • Hidrate-se ao longo do dia e não apenas na hora de deitar, para não ficar com vontade de ir ao banheiro durante a madrugada.
  • Siga uma dieta balanceada e leve. Evite refeições muito calóricas à noite.
    • Bebidas estimulantes como o chá verde e o café devem ser evitadas no período noturno. A cafeína tem duração de quatro horas no organismo, portanto o ideal é que o último gole seja por volta das 16 horas para não atrapalhar a qualidade do sono
    • Evite exercícios muito vigorosos próximos à hora de deitar.
    • Evite atividades que exijam muita concentração ou que elevem o nível de ansiedade (como filmes de ação ou suspense) perto do período de dormir
    • Use roupas leves e frescas
    • Prefira lençóis de algodão e linho aos sintéticos, porque esquentam menos
    • Banho morno refresca e ajuda a relaxar
    • Deixe o quarto arejado durante o dia e, se possível, uma brecha na janela também à noite, para o ar circular
    • Ventilador é uma alternativa refrescante para os dias mais quentes. Só tome cuidado para que não seja barulhento – prejudicando o sono – e para não fique virado direto para o corpo, pois o vento pode causar frio, fazendo com que você desperte no meio da noite
    • Se preferir o ar-condicionado, lembre-se que ele deve estar com o filtro limpo e funcionar a uma temperatura agradável, em torno de 24 graus. Mas como resseca o ar, uma dica é colocar uma bacia de água no quarto, para umidificar o ambiente
    • O travesseiro também contribui para a qualidade do sono. É preciso que seja arejado e feito de material que evite a proliferação de ácaros, fungos e bactérias, capazes de desencadear crises alérgicas típicas do verão.

Atividade física no calor: pratique com cuidado

Os dias bonitos e ensolarados dão ânimo extra para levantar da cama mais cedo e sair para praticar atividades físicas ao ar livre. Pensando na proximidade com a temporada de praia, a vontade de ficar em forma é ainda maior.

Consultamos a médica Isa Bragança, cardiologista especializada em medicina do esporte e diretora da CardioMex – Clínica Médica Desportiva, e a nutricionista Beatriz Pagnanelli, da New Soccer Brasil, especialista em nutrição clinica e estética, de São Paulo, que dão a seguir importantes dicas para malhar no calor, render bastante e ainda preservar a saúde.

O melhor horário

Prefira de manhã cedo, antes das 10 horas, e no final da tarde, após às 16 horas.

Roupas adequadas

As roupas devem ser leves. “Existem tecidos próprios para atividade física que não absorvem o calor. Evite tecidos com tramas fechadas, quentes e escuros”, diz Isa Bragança. Boné e óculos também são importantes. 

Não dispense o aquecimento

A cardiologista do esporte diz que o aquecimento é importante independente da temperatura. “Antes de começar a correr, por exemplo, aqueça com uma caminhada de três minutos”, sugere.

Treine normalmente

O treino deve ser realizado de acordo com o que foi estipulado pelo treinador ou aquele que você já está acostumado a fazer. “Mas respeite os limites do corpo. Em dias mais quentes, caso vá se exercitar ao ar livre, evite os horários mais quentes e hidrate-se bem. A atividade física deve trazer bem-estar”, diz Isa.

Sinais de que é hora de parar

Alguns sinais alertam que você deve parar a atividade física: cansaço além do normal, intolerância ao esforço (você não consegue realizar o mesmo exercício que realizava antes), cefaleia, tontura, vista turva, vômitos. “Se sentir isso, algo está fora de ajuste. Pare e procure um médico, de preferência da área desportiva, para orientá-lo”. 

É normal suar mais

No calor o corpo transpira mais para equilibrar a temperatura corporal, que aumenta com o esforço físico. Se não suar, pode acontecer um superaquecimento, algo que tem importantes efeitos colaterais. “Porém, suar mais não quer dizer que você vai emagrecer mais. Significa apenas que você estará mais desidratado”, diz Isa.

Hidrate-se antes, durante e depois

Para os dias mais quentes, principalmente se o exercício for aeróbico (caminhada, corrida, bicicleta, futebol) tome bastante água, antes, durante e após a prática. “A água é muito bem aceita pelo corpo e, se for de gole em gole, consegue hidratar bem. No caso de atividades muito intensas, melhor recorrer a um isotônico (que pode ser a água de coco ou um industrializado), mais fácil de ser absorvido pelo estômago (até melhor do que a água) e ainda consegue trazer sais minerais para repor o que perdemos no suor”, diz a nutricionista Beatriz Pagnanelli. Mas lembre-se: isotônico não é suco e não deve ser consumido sem que você tenha praticado uma atividade física intensa, pois pode sobrecarregar os rins que terão de jogar fora o excesso de minerais.

O que comer

Nunca pratique atividade física de barriga vazia. Não é preciso fazer um banquete, mas um pequeno lanche e até mesmo um almoço leve são indicados, pelo menos duas horas antes. Muitos são os alimentos que dão energia e eles podem variar de acordo com o tipo de atividade escolhida.

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA